Agilidade amplificada

O Pulse of the Profession® mais recente do PMI revela os poderes da ginástica

As organizações que se adaptam às novas expectativas em um mundo pós-pandêmico estão ganhando uma vantagem competitiva na “economia de projetos”, de acordo com o último Pulse of the Profession® do PMI.

A EMPRESA GINASTA

Novas formas de trabalhar estimularam o surgimento da empresa ginasta — organizações que combinam estrutura, forma e governança com capacidades de flexibilidade e mudança de direção — por demanda.

img

VANTAGEM COMPETITIVA

É mais provável que as empresas ginastas tenham passado por mudanças comerciais recentes em áreas essenciais.

Ginasta Tradicional
Transformação digital 73% 62%
Estratégia de negócios 70% 57%
Adaptabilidade organizacional 70% 53%
Eficiência operacional 65% 52%
Abordagem de inovação 65% 46%
Diversidade, equidade e iniciativas de inclusão 60% 51%
Cultura organizacional 60% 48%
Maturidade em gerenciamento de projetos 57% 41%
Gestão de talentos 48% 36%

Empresas ginastas também têm uma vantagem de desempenho de projeto.

Ginasta Tradicional
Atingiu as metas originais/intenção de negócios 75% 72%
Concluiu dentro do orçamento original 64% 59%
Concluiu no prazo 58% 52%
Enfrentou desvio de escopo 33% 37%
Projeto fracassado, orçamento perdido 36% 37%
Falhas consideradas 11% 13%

ENTREGA ESPECIAL

Em vez de favorecer uma abordagem, as empresas ginastas selecionaram as melhores formas de trabalhar, dependendo da situação.

Ginasta Tradicional
Ágil 28% 22%
Híbrido 24% 16%
Cascata 45% 59%

ASSISTÊNCIA TÉCNICA

67%

Proporção de empresas ginastas que priorizam uma cultura de adotar soluções digitais, em comparação com 52 por cento de empresas tradicionais

As equipes de tecnologia estão aproveitando o gerenciamento de projetos:

Ginasta Tradicional
Soluções em nuvem 66% 55%
Internet das coisas 37% 29%
Inteligência artificial 26% 21%
5G 24% 19%

PODER PARA O POVO

As empresas ginastas são mais propensas a priorizar as habilidades de poder em toda a organização.

Ginasta Tradicional
Liderança colaborativa 54% 42%
Adaptabilidade 50% 40%
Mentalidade inovadora 46% 32%
Empatia 21% 17%

ESSENCIAL PARA A MISSÃO

Esses comportamentos de construção de cultura são uma alta prioridade para empresas ginastas:

Ginasta Tradicional
Centrada em entregar valor ao cliente 80% 65%
Alinhada com dos valores organizacionais 71% 60%
Adota soluções digitais 67% 52%
Apoia opções de trabalho flexível 66% 52%
Promove diversidade, equidade e inclusão 63% 51%
Receptiva à mudança 62% 40%
Promove inovação 62% 41%
Valores do gerenciamento de projetos 52% 42%

RESILIÊNCIA DO QUADRO GERAL

No geral, as organizações lutaram contra a incerteza pandêmica sem ficar para trás no desempenho ou perder produtividade.

img

O valor médio de investimento desperdiçado devido ao baixo desempenho do projeto — um aumento em relação aos 11,4 por cento desperdiçados segundo o Pulse no ano passado

img

Fonte: Pulse of the Profession, PMI, 2021 (resultados com base em uma pesquisa global com 3.950 profissionais de projetos em 2020)

Advertisement

Advertisement

Related Content

  • Project Management Journal

    Navigating Tensions to Create Value member content locked

    By Farid, Parinaz | Waldorff, Susanne Boche This article employs institutional logics to explore the change program–organizational context interface, and investigates how program management actors navigate the interface to create value.

  • Project Management Journal

    People as Our Most Important Asset member content locked

    By Dupret, Katia | Pultz, Sabrina In this article, we examine how employees experience different types of work commitment at an IT consultancy company using agility to give staff greater autonomy and decision-making latitude.

  • Thought Leadership Series

    tadyiq fajwat almawahibi member content open

    tushir 'ahdath al'abhath alealamiat alati 'ajraha maehad 'iidarat almasharie (PMI) washarikat brays wawtirhawis kubarz (PwC) 'iilaa wujud naqs fi alwaey , 'aw rubama baed altarakhi , bayn…

  • Thought Leadership Series

    Sainō no gyappu o sebameru member content open

    PMI to PwC no saishin no sekai-tekina chōsa ni yoru to, purojekutobēsu no soshiki no ma de, zento ni yokotawaru risuku, oyobi jinzai kiki ga purojekuto to senryaku o mitasu nōryoku ni oyobosu…

  • Thought Leadership Reports

    Reduzindo a falta de latentos member content open

    A mais recente pesquisa global do PMI e da PwC indica que há uma falta de conscientização, ou talvez alguma complacência, entre as organizações baseadas em projetos sobre os riscos que estão por vir…

Advertisement